Home / Notícias / Destaques / No Piauí, passageiros usam guarda-chuvas dentro de ônibus com buraco no teto para se proteger
Passageiros usam guarda-chuvas para se proteger da água em ônibus com buraco no teto — Foto: Arquivo Pessoal/Maria Helena

No Piauí, passageiros usam guarda-chuvas dentro de ônibus com buraco no teto para se proteger

Segundo uma passageira, a escotilha do teto do veículo estava quebrada e a água entrou por ela.


Passageiros de um dos ônibus do sistema de transporte público de Teresina, que faz linha na Vila Irmã Dulce, utilizaram guarda-chuvas para se protegerem de uma chuva na noite da quinta-feira (7). De acordo com uma passageira, a escotilha do teto do veículo estava quebrada e a água entrou por ela.

Procurada pelo G1, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) informou que tomará as medidas necessárias para que o problema seja resolvido e afirmou que fiscaliza rotineiramente as condições da frota de ônibus de Teresina.

“É um descaso com a população. Colocaram um ônibus em situação precária para rodar e com a chuva todo mundo ficou molhado. Pagamos um valor absurdo na passagem e ainda somos obrigados a passar por essa humilhação”, desabafou Maria Helena.

Imagens feitas pela passageira mostram alguns passageiros molhados, outros usando guarda-chuvas dentro do ônibus para tentar se proteger da água que entrava pela escotilha. “Era um buraco grande e chuva era forte, de vento, molhou muita gente. Todo mundo ficou revoltado”, relatou Maria Helena.

Escotilha do teto do veículo estava quebrada e a água entrou por ela — Foto: Arquivo Pessoal/Maria Helena

Leia a nota da Strans na íntegra:

A Strans fiscaliza rotineiramente as condições da frota de ônibus, adotando sanções ou mesmo a retirada do veículo, se constatada a falta de condições de circulação. Em casos específicos, como o registro da foto, serão adotadas as medidas necessárias para que o problema seja resolvido imediatamente. Informações dos usuários são fundamentais para que possamos exercer a atividade de fiscalização com celeridade e eficiência. Lembramos que a STRANS tem um canal de denúncias por WhatsApp: 94602486.

Fonte: G1 Piauí

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *