Home / Notícias / Destaques / PM prende acusado de tentativa de estupro coletivo em cidade da região de Picos

PM prende acusado de tentativa de estupro coletivo em cidade da região de Picos


Na manhã desta quarta-feira (17), por volta de 8h, policiais do Grupamento de Polícia Militar (GMP) de Dom Expedito deram cumprimento ao mandado de prisão em desfavor de Marcos Vinícius da Silva Oliveira, acusado de tentar abusar sexualmente de duas adolescentes. A prisão ocorreu na comunidade Canto, zona rural de Ipiranga do Piauí.

As vítimas com idade de 13 e 15 anos de idade estavam no “Morro da Cruz”, ponto turístico da cidade quando foram abordadas pelo acusado e agredidas. As mesmas conseguiram escapar do local antes que o ato sexual fosse consumado. O crime ocorreu no dia 22 de setembro.

Segundo informações do comandante do GPM de Dom Expedito Lopes, cabo Altamar, a prisão foi possível graças a denúncias de populares que informaram a localização de Marcos Vinícius. No momento da prisão, o acusado estava abrigado em uma residência de familiares.

“Não tínhamos conseguido efetuar a prisão de Marcos Vinícius na noite do fato. Estávamos aguardando o mandando de prisão e através de denúncias de populares conseguimos lograr êxito na sua prisão. O mesmo não ofereceu resistência e estamos agora na Delegacia Civil para adoção dos procedimentos legais”, afirmou o comandante.

Cabo Altamar ainda comentou que por ser o primeiro crime deste tipo na cidade o fato teve uma grande repercussão e gerou medo na população local.

“A repercussão do caso foi muito grande. Duas adolescentes que sofreram a tentativa foram agredidas. Constantemente estávamos recebendo cobranças da população, telefone, WhatsApp com medo porque sabem de fato o quanto ele é perigoso”, frisou.

As informações da Polícia Militar ainda dão conta que as vítimas não tinham qualquer relação com o agressor.

Marcos Vinícius da Silva Oliveira foi encaminhado à Central de Flagrantes, em Picos, para adoção dos procedimentos cabíveis. O jovem possui passagem na Polícia por vários crimes de furto, incluindo de uma retroescavadeira, além de furtos à residências.

Fonte: Folha Atual

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *