Home / Notícias / Destaques / Por orientação médica, Bolsonaro deixará de participar de 4 debates do segundo turno

Por orientação médica, Bolsonaro deixará de participar de 4 debates do segundo turno

Segundo os especialistas que o operaram, Bolsonaro demonstrou vontade em participar de encontro desta semana, mas vai seguir a recomendação dada.


O candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL) não irá participar do primeiro debate do segundo turno, organizado pela TV Bandeirantes, previsto para esta semana. A decisão foi tomada após o deputado ser submetido a nova avaliação médica em sua casa, no Rio de Janeiro.

Os médicos que o operaram no hospital Albert Einstein, em São Paulo, disseram que ele ainda não está em condições clínicas para participar deste tipo de atividade. Eles argumentaram que o candidato perdeu 15 quilos de massa muscular e ainda está fraco.

Segundo os especialistas, Bolsonaro demonstrou vontade em participar do debate, mas vai seguir a orientação dada. Os médicos contraindicaram atividade que o cansasse ou obrigasse a falar por mais de 15 minutos.

Adversário de Bolsonaro na corrida presidencial, o ex-prefeito Fernando Haddad (PT) pediu a oportunidade de os candidatos debaterem e os eleitores tomarem conhecimento dos distintos projetos.

“Vamos fazer uma campanha propositiva e demarcar as diferenças entre projetos. Agora, meu adversário precisa participar dos debates. Eu estou disposto a ir até uma enfermaria se for preciso para debater o Brasil. Ninguém pode ser eleito sem apresentar as suas propostas ao povo”, afirmou em sua conta no Twitter.

Segundo a equipe médica que acompanha o candidato, Bolsonaro não participará de nenhum dos debates de segundo turno programados para a próxima semana. Conforme noticiou o Estadão, o médico cirurgião Antonio Luiz de Macedo disse que o deputado terá alta para atividades públicas de campanha a partir da quinta-feira da próxima semana.

Se tal orientação for seguida, Bolsonaro estará de fora de 4 debates, transmitidos por Band, Gazeta, RedeTV! e SBT. Sobrariam apenas os encontros de Record e Globo.

Fonte: Infomoney

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *