Home / Notícias / Destaques / Rapaz tem surto e mantém cliente de banco refém por cerca de 1 hora em cidade do Piauí; Veja vídeo
Foto: Reprodução WhatsApp

Rapaz tem surto e mantém cliente de banco refém por cerca de 1 hora em cidade do Piauí; Veja vídeo


Uma jovem foi mantida refém com uma faca dentro da agência do Banco do Brasil, na cidade de Bom Jesus, no Sul do Estado. Vídeos gravados por câmeras de celulares mostram momentos de tensão.

Dominada com o golpe conhecido como “gravata”, a vítima ficou imobilizada e na mira do suspeito por cerca de 1 hora.

O caso ocorreu por volta das 11h da manhã desta terça-feira (15). Segundo informações apuradas pelo Cidadeverde.com o homem teria transtornos mentais e é identificado como Márcio Santos de Sousa, 40 anos, conhecido como “Tiozim”.

O chefe de investigação da Delegacia Regional de Bom Jesus, José Anchieta, informou ao Cidadeverde.com que o homem “surtou” e tentou roubar a arma do vigilante do banco antes de manter a jovem refém.

“Ele surtou e disse que queria contar a história dele. Dizia que ninguém queria escutá-lo, que não tinha nada a perder, que podia matar ou morrer. Ele dizia coisas desconexas”, conta o chefe de investigação.

Os policiais fizeram negociação por uma hora para que a refém fosse liberada. A mãe de Márcio foi levada ao local e só diante da presença dela a moça foi liberada. “Chamamos a mãe dele e quando ela chegou, ele se entregou”, disse Anchieta. Segundo o comandante da PM em Bom Jesus, major Evandro Gomes, ela disse que o filho é dependente químico e estava em abstinência.

A jovem mantida refém está em estado de choque e ainda não conseguiu prestar depoimento à polícia. O caso deixou assustados vários clientes da agência, que estava lotada no momento da ação.

O chefe de investigação José Anchieta conta que, na semana passada, Márcio teria quebrado o vidro de uma das viaturas da Polícia Civil de Bom Jesus.

Márcio foi conduzido à delegacia para prestar esclarecimentos e deve ser autuado por sequestro.

Fonte: Cidade Verde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *