Home / Notícias / Destaques / Rendimento dos piauienses cresce, mas continua o 2º menor do país
Foto: Pixabay/download gratuito

Rendimento dos piauienses cresce, mas continua o 2º menor do país


O rendimento médio do trabalho piauiense cresceu 3,61% entre o terceiro e o quarto trimestre de 2018, segundo dados divulgados pela PNAD Trimestral, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

No terceiro trimestre, o rendimento médio mensal de todos os trabalhos era de R$ 1.354. Nos três meses seguintes, subiu R$ 52 e passou para R$ 1.406. Apesar do crescimento, ainda é o segundo menor rendimento do país, perdendo apenas para o Maranhão (R$ 1.367).

O rendimento médio nacional fechou o ano de 2018 em R$ 2.254.

O Piauí fechou o ano de 2017 com rendimento médio de R$ 1.384. Ou seja, de um ano para o outro (2017 para 2018), a alta foi de apenas 1,37%, muito inferior à inflação registrada no ano passado, que foi de 3,75%.

O maior rendimento médio do Piauí foi registrado no primeiro trimestre de 2017: R$ 1.458.

Na semana de referência da pesquisa, 1.262.000 piauienses acima de 14 anos estavam realizando algum tipo de atividade de trabalho. Três mil a mais que no trimestre anterior e 37 mil a mais que no último trimestre de 2017.

Taxa de desemprego 

O Piauí manteve a taxa de desemprego em 12,3% do 3º para o 4º trimestre de 2018. Com isso, o Piauí fechou o ano passado com queda de 1 ponto percentual na taxa de desempregados. Em 2017, a taxa do Estado era 13,3%.

Clique aqui para mais informações.

Fonte: Cidade Verde

About Administrador

Check Also

CAMPO GRANDE | Fotos da festa em homenagem ao Dia das Mães da U.E. Cícero Barbosa da Silva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *