Home / Notícias / Saúde / Teresina ganha casa para tratamento de adolescentes dependentes químicos

Teresina ganha casa para tratamento de adolescentes dependentes químicos

 

Um novo centro dedicado aos adolescentes que lutam contra a dependência química começa a funcionar, nesta terça-feira (27), em Teresina. A atividade é uma parceria do Governo do Estado com a Casa do Oleiro, que já oferece tratamento aos adultos.

Inicialmente, apenas pessoas do sexo masculino serão atendidas no centro, entre 15 e 17 anos de idade. A capacidade inicial é de 30 acolhimentos.  O tratamento deve ter duração de seis meses.

O presidente do Conselho Estadual de Políticas Antidrogas, pastor José Gouveia, explicou que o novo centro atende não só uma necessidade social, mas também pessoal de muitos pais dependentes químicos que, muitas vezes, deixam o tratamento para cuidar dos seus filhos, que também entraram no mundo das drogas.

“Nós já tivemos situações de homens acolhidos que pedem ajuda para os seus filhos, adolescentes, de mulheres acolhidas que choram e desistem do tratamento porque estão preocupadas com os seus filhos na dependência química. Por isso, a partir de hoje, podemos oferecer ao Piauí um espaço exclusivo para o tratamento de adolescente na cidade de Teresina”, comentou o pastor.

O pastor alertou que a comunidade terapêutica não trabalha com a internação compulsória, que ocorre sem o consentimento do dependente químico, e sim com a vontade voluntária da pessoa.

“Nós somos uma comunidade terapêutica. Portanto, nós não tratamos de forma compulsória, nós acolhemos de forma voluntária”, reforçou, destacando que a abertura desse novo centro só é possível com o apoio do Governo do Estado, por meio da Coordenadoria de Enfrentamento às Drogas.

Ontem (26) foi o Dia Internacional de Combate às Drogas. A inauguração também é uma comemoração desse importante dia para àqueles que lutam contra a dependência química.

Para mais informações sobre a Casa do Oleiro: (86) 3234 – 8284

Fonte: Cidade Verde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *