Home / Notícias / Política / “Todos os partidos querem uma fatia”, afirma Júlio César sobre nova chapa

“Todos os partidos querem uma fatia”, afirma Júlio César sobre nova chapa


A disputa por quem vai participar da chapa encabeçada por Wellington Dias (PT) em 2018 continua acirrada. Segundo o deputado Júlio Cesar (PSD), que conta que seu nome já está cotado pelo seu partido para as vagas de vice ou senador, “todos os partidos querem uma fatia do novo mandato”.

“O próprio senador Ciro Nogueira (PP), admitiu que se tiver alguém mais competitivo, ele poderá abrir mão. Ele, inclusive,  já deu declarações a imprensa sobre isso. E o PSD tem.  A executiva do partido indicou meu nome como pré candidato à uma das vagas, ou de vice ou de senador” afirma Júlio César.

Deputado federal Júlio César, do PSD (Foto: Divulgação/Assessoria)
Deputado federal Júlio César, do PSD (Foto: Divulgação/Assessoria)

O governador Wellington Dias já havia declarado anteriormente que cinco partidos de base, dentre eles o PT, PP, MDB, PSD e PTB, buscam lugares na nova chapa, porém que só existem quatro vagas a serem tomadas. Sobre isso, o deputado Júlio César afirma acreditar que o PTB está fora e que este vai apoiar um candidato de oposição.

“O nosso partido teve um excelente desempenho na eleição, graças ao Dr. Pessoa, que teve mais de 170 mil votos aqui na capital e este acordo foi feito com ele. Se o partido participar dessa chapa, ele apóia. Se não participar, ele poderá tomar outro rumo. Isso já está acordado” diz o deputado do PSD.

Sobre a renegociação-veto que o presidente Michel Temer fez à lei dos Agricultores, agora Lei nº 13.340/2016, que disciplina a renegociação de mais de 860 mil contratos do Banco do Nordeste e mais de 230mil do Banco do Brasil no Nordeste, o deputado fala que “não concorda com a discriminação que foi feita com o Nordeste e com o Piauí”.

“Vetaram quase a totalidade. Fizemos pressão e mantivemos alguns artigos, mas vetaram alguns artigos muito importantes para os agricultores do Nordeste. Aqueles que estão fora do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) são grandemente prejudicados. Apesar de ser da base, vamos trabalhar para derrubar esse veto” conta Júlio César.

FONTE: Portal AZ | Foto destaque: reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *